quarta-feira, 8 de abril de 2015

O Porto ?

A gravura abaixo pretende representar a cidade do Porto nos meados do século XIX.

Se não tivesse legenda, reconhecia nesta gravura o Porto?...

Seja qual for o valor artístico intrínseco à mesma - aliás, sempre aberto a discussão - é em minha opinião um muito fraco exemplo, por ventura o mais fraco quando comparado incluso com imagens da mesma época e produzidas da mesma forma, que não sendo perfeitas, qualquer portuense consegue nelas reconhecer a sua cidade (vejam-se abaixo dois exemplos distintos de maior ou menor fidelidade à realidade).

Num época da humanidade em que ainda não havia a facilidade e celeridade de comunicação que hoje temos, onde o telégrafo era uma inovação tecnológica e se começavam a iluminar as cidades com gás em substituição da mortiça luz do azeite e onde aos poucos o vapor se ia introduzindo de uma forma regular na navegação mas os carros de bois continuavam a imperar nas estradas; esta seria pois a imagem fantasiosa com que muitos indivíduos ficariam da cidade do Porto gravada nas suas mentes...

Eis uma outra panorâmica que se pode classificar como já tendo um certo grau de semelhança com a cidade, muito embora os edifícios se encontrem desenhados com alguma fantasia, sobretudo o edificado completamente amontoado e atulhado.



E esta outra, onde a realidade está bem mais próxima, ainda que com um certo grau de erro perfeitamente aceitável.


Sem comentários:

Enviar um comentário