quarta-feira, 21 de julho de 2010

O antigo cais dos Guindais


Pormenor de um postal antigo mostrando a extremidade Este do cais dos Guindais, onde hoje passa - a cota mais alta - a Avenida de Gustavo Eiffel. As casas à esquerda ainda existem, encontrando-se no sopé da escarpa.
A avenida actual segue grosso modo através dos edifícios presentes em primeiro plano.
Ao fundo vislumbra-se a Calçada da Corticeira, também ainda existente; que sobe em rampa (e que rampa!) para a Alameda das Fontainhas.


Nesta segunda - também ela pormenor de um postal - o mesmo cais mas desta vez com uma perspectiva mais abrangente, se não em paisagem ao menos em actividade humana, reveladora da azáfama da carga e descarga das mais diversas mercadorias.
Atente-se aos vários barcos Rabelo atracados, bem como ao facto de se encontrarem vazios, talvez à espera de um possível frete...

Uma fotografia tirada deste local e olhando na mesma direcção será por ventura possível nos nossos dias, dado que esta zona do cais (a que se encontra em primeiro plano) ainda existe, por baixo da ponte D. Luís! A paisagem é que já será completamente diferente...

2 comentários:

  1. Caro amigo,
    Sabe informar-me em que data começou a ser aberta - e já agora, concluída - a Avenida Gustavo Eiffel ?
    Um abraço

    ResponderEliminar
  2. Caro Sr. Jorge Portojo,

    Infelizmente não conheço essas datas. Contudo acredito que será da mesma época do Túnel, pelo que me inclino para a década de 40 do século passado...

    Um abraço,

    ResponderEliminar