quarta-feira, 10 de março de 2010

Igreja de Cedofeita

A fotografia abaixo é produto do mesmo fotógrafo do post anterior, Frederick W. Flower; activo no Porto na década de 50 do século XIX.

Desta vez apresenta-se-nos a Igreja de Cedofeita. Muito provavelmente uma das igrejas mais antigas de Portugal, a Igreja de Cedofeita estava tão isolada do Porto ainda nos finais da idade média, que os seus páracos se queixavam não ter gente para assistir à missa (entre outras queixas); pois essa gente vinha de locais bem distantes.



Nos anos 40 já do século XX, o Estado Novo, por meio da DGEMN empreendeu uma "reintegração" da Igreja no seu aspecto medievo "original"; espoliando-a de tudo ou quase todo o que a época do barroco, mais que qualquer outra, lhe acrescentara.

Talvez alguns dos mais velhos habitantes do Porto ainda se lembrem dela não como na foto (seria pedir o impossível), mas com o seu pequeno claustro e outras edificações do século XVIII que a rodeavam e até complementavam...
Tudo isso se foi, ficando-nos uma igreja que sendo bonita na sua traça singela (ilustradora de uma era bem mais frugal e que à muito passou) é hoje apenas um pastiche dessa mesma era.

Sem comentários:

Enviar um comentário